Fotoproteção Inteligente | By Lucas Portilho

Um fotoprotetor ideal tem a obrigação de entregar a máxima proteção contra os raios UVA/UVB. Já sabemos que os raios UVB, aqueles que deixam a pele vermelha, são responsáveis pelo aparecimento do câncer de pele. Mas o UVA também pode causar câncer.

Muitos brasileiros acham que a UVA é benéfica, porque ela deixa a pele bonita e bronzeada. Mas, por trás do bronzeamento, existe um risco enorme de câncer e também do envelhecimento precoce da pele. Ocorre assim: os raios UVA penetram até a derme, e, lá, ele aumenta as enzimas que degradam o colágeno e a elastina. Além disso, sabemos que outros tipos de luz podem colaborar para o envelhecimento precoce, como a luz visível e a infravermelha.

Portanto, acrescentar ingredientes que protejam contra este tipo de luz, faz um produto ter um grande diferencial. Os ativos que não podem faltar são os antioxidantes e os calmantes. Como nós bem sabemos, nenhum produto protege 100% da radiação. Uma pequena parte, sempre vai passar e colaborar para a formação dos radicais livres, levando a pele a um estado inflamatório.

Um ponto de atenção, que a ciência nos mostra hoje, é que os índices de poluentes têm afetado muito de forma negativa a nossa pele. Os metais pesados e derivados de carbono geram muitos radicais livres e também contribui para o envelhecimento precoce. Dessa forma, é imprescindível associar ativos antipoluição em fotoprotetores.

Como no Brasil temos uma infinidade de tonalidade de pele, o ideal é que os fotoprotetores também ofereçam opções de bases com tonalizantes que atendem as expectativas e as necessidades de cada cliente.

Se um fotoprotetor atender todos esses quesitos, teremos uma pele mais protegida, que sintetiza mais colágeno, sem manchas e com um aspecto muito mais saudável.

Na linha Bio-SunProtect da BIOAGE tem tecnologia Bio-Multiproteção. Garante 24 horas de ação antioxidante, combatendo, dia e noite, os radicais livres. Sua consistência, em gel creme, não altera a oleosidade, podendo ser aplicado em todos os tipos de pele. Os produtos blindam contra a poluição, protegem dos raios UVA/UVB, luz visível e luz azul (proteção digital), e tratam evitando o envelhecimento precoce e mantendo o reparo do colágeno.

Existe um fotoprotetor ideal para cada necessidade! Descubra o seu.

* Por Lucas Portilho, farmacêutico especialista em fotoproteção. Diretor de Pós-Graduação do IPUPO Educacional e coordenador de estágios internacionais em Desenvolvimento de Cosméticos no Brasil, Itália, França e Mônaco